Amazon

domingo, 25 de janeiro de 2009

Sem título

  

Morre-se por amor.

Morre-se de saudades.

E pro silêncio eu volto,

Sem ter reações,

Sem querer lutar.

Aceitando a perda, calada.

Em minha mente,

Se passam as lembranças,

Sem dor,

Sem amor,

Sem você.